CONECTE-SE CONOSCO

Ceará

Pesquisa Datafolha Fortaleza: Capitão Wagner 33%, Sarto 16%, André Fernandes 12%, Evandro 9%, Celio 8% e Girão 5%

Publicado

em

Primeira pesquisa Datafolha para a eleição em Fortaleza foi divulgada nesta quinta-feira, 27 de junho (27/06) e mostra Capitão Wagner (União Brasil) com 33% das intenções de voto para a Prefeitura da capital cearense. Ele é seguido por José Sarto (PDT) com 16% e por André Fernandes (PL) com 12%. Na sequência, aparecem os candidatos Evandro Leitão (PT), com 9% e Célio Studart (PSD), com 8%, Eduardo Girão aparece com 5%.

Considerando a margem de erro de quatro pontos percentuais para mais e para menos, Sarto, Fernandes, Evandro e Célio estão tecnicamente empatados. 12% dos entrevistados declararam voto branco ou nulo e 4% disseram não saber em quem votarão.

O Datafolha ouviu presencialmente 644 eleitores de Fortaleza entre a última segunda-feira, 24, e a última quarta-feira, 26. A pesquisa foi encomendada pelo Grupo de Comunicação O POVO, está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com número CE-01909/2024 e tem margem de erro de quatro pontos percentuais para mais ou para menos. A taxa de confiança é de 95%.

Eleições Fortaleza 2024: Cenário 2, resposta estimulada

O Datafolha avaliou também a intenção de voto em um segundo cenário no qual o deputado federal Célio Studart (PSD) não estaria entre os candidatos. O parlamentar manifestou intenção em entrar na disputa. No entanto, seu partido, o PSD, negocia a formação de uma chapa com o pré-candidato Evandro Leitão (PT).

Nesse cenário, Capitão Wagner (União Brasil) lidera com 32% das intenções de voto. Ele é seguido por José Sarto (PDT), que aparece com 19%, e por André Fernandes (PL), com 14%. Dessa forma, Sarto e Fernandes estão tecnicamente empatados, considerando a margem de erro.

Em seguida, estão Evandro Leitão (PT) com 8% das intenções de voto e Eduardo Girão (Novo), com 7%. Portanto, Fernandes, Evandro e Girão estão tecnicamente empatados nesse cenário.

Técio Nunes (Psol) e Haroldo Neto (UP) aparecem com 1%. Votos em branco e nulos somam 14%. Eleitores que dizem não saber ou não responderam são 4%.

Fonte: O Povo

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ceará

Nova pesquisa aponta liderança isolada de Capitão Wagner com 33%, seguido de Sarto com 18,3%, André Fernandes 15,1%, Evandro Leitão 9,4% e Girão 5,5%

Publicado

em

Levantamento do Instituto Paraná Pesquisas, divulgado nesta terça-feira (16), aponta Capitão Wagner (União Brasil) na liderança da disputa pela Prefeitura de Fortaleza com 33,0%. Em seguida, o atual prefeito, José Sarto (18,3%) e André Fernandes (15,1%). Os demais adversários, Evandro Leitão (9,4%), Eduardo Girão (5,5%), Zé Batista (0,9%) e Técio Nunes (0,4%) ocupam o 4º, 5º. 6º e 7º respectivamente. Dos 800 entrevistados, 6,9% não sabem ou não responderam e 10,6% votariam branco, nulo ou em nenhum dos candidatos. A pesquisa foi realizada entre os dias 12 e 15 de julho de 2024.

Na pesquisa espontânea, em que cada entrevistado escolhe o candidato, Capitão Wagner também lidera com 7,8%. André Fernandes em seguida, com 5,9% e José Sarto em terceiro, pontuando 5,4%. O candidato do PT, Evandro Leitão, aparece com 2,5%, Roberto Cláudio, que não está na disputa, 2,0%, Eduardo Girão, 1,3% e Luizianne Lins, também fora da corrida eleitoral, 0,6%. Neste cenário, 64,9% não sabem ou não responderam e 8,3% não votaria em nenhum, branco ou nulo.

O grau de confiança é de 95,0% para uma margem estimada de erro de aproximadamente 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos. O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o n.º CE-03672/2024.

Continue Lendo

Ceará

Luizianne reúne apoiadores e apoiadoras para anunciar programa de governo participativo da pré-candidatura de Catanho em Caucaia

Publicado

em

A deputada federal e ex-prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins (PT/CE) reuniu, nesta terça-feira, 25/06, autoridades, lideranças e pré-candidatos e pré-candidatas a vereadores e vereadoras para anunciar a construção do programa de governo participativo da pré-candidatura de Waldemir Catanho à Prefeitura de Caucaia (Região Metropolitana de Fortaleza). A presença ativa de Luizianne na pré-campanha, que coordenará o programa de governo participativo, traz força e experiência à pré-candidatura de Catanho.

“Eu posso dizer que, quando o Catanho topou ser pré-candidato em Caucaia, entendi que o povo pode ganhar um presente. Catanho pode ser um presente importante para a cidade nesse momento”, afirmou Luizianne.

“Minha companheira de muitas lutas, a deputada federal e ex-prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins, é um apoio muito especial e que agrega muita experiência à nossa pré-campanha à Prefeitura de Caucaia. Esperamos também contar com a participação de todas e todos os nossos apoiadores e apoiadoras nesse processo”, assinalou o pré-candidato Catanho.

Continue Lendo

Ceará

Justiça determina impugnação de pesquisa eleitoral irregular em Fortaleza

Publicado

em

O Partido União Brasil entrou com uma ação judicial no Tribunal Regional Eleitoral – TRE, contra o Instituto Verita LTDA – EPP/ VERITA, que realizou uma pesquisa eleitoral em Fortaleza, sobre a corrida eleitoral para a prefeitura da Capital.

Na pesquisa, o Instituto avaliou o número de eleitores da Regional I como sendo 30 mil, no entanto, a Regional que abrange os bairros Álvaro Weyne, Barra do Ceará, Carlito Pamplona, Cristo Redentor, Floresta, Jacarecanga, Jardim Guanabara, Jardim Iracema, Pirambú e Vila Velha possuem, na verdade, uma população estimada em 344.510 mil habitantes.

Em nota o partido afirma que “há uma discrepância gigantesca, tendo em vista que, com o número real de habitantes, o instituto teria realizado apenas 15 entrevistas, logo, não é possível obter-se um resultado satisfatório que possa validar o estudo estatístico”.

Por tudo isso, a justiça eleitoral concedeu, então, a invalidação e proibição de divulgação da pesquisa eleitoral realizada pelo Instituto Verita.

Enquanto a Regional I, uma região de periferia recebe pouquíssimos questionários, a Regional II, com muitos bairros nobres, recebe uma grande quantidade, porque lá o número de eleitores é maior, o que poderia beneficiar algum candidato específico.

Continue Lendo

Em Alta