Violência no Ceara: 2 assassinatos e 2 baleados, entre eles um policial militar

0

Novamente trazendo parte do noticiário da insegurança pública do final de semana, tivemos 2 assassinatos e 2 baleados que ainda estão em situação de observação durante o final de semana.

O caso que chamou mais atenção foi o do policial militar que foi baleado na noite de ontem (5), no bairro Amadeu Furtado, durante um assalto. Câmeras de segurança registraram o momento que um dos criminosos sai de um automóvel com arma em punho para render ocupantes de outro veículo, que estava parado. O grupo criminoso é surpreendido pelo agente de segurança, que reage. O assaltante chegou a disparar contra o policial.

Um dos suspeitos foi identificado como Gabriel da Costa Martins, 24, com antecedentes criminais por homicídio. Ele foi atingido e não resistiu aos ferimentos. O militar segue em atendimento no hospital, em situação estável.

Outro caso de pessoa baleada aconteceu no Conjunto Ceará no último sábado, um rapaz de 24 anos foi baleado com aproximadamente seis tiros quando saiu de um barzinho. Os criminosos estavam em um carro, e, no momento do crime, a Polícia Militar foi acionada. Uma mulher acompanhava a vítima no momento dos tiros, mas conseguiu escapar e não saiu ferida.  O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) socorreu a vítima para uma unidade hospitalar, ele não possuía antecedentes criminais.

Os assassinatos aconteceram no conjunto esperança e em Coreaú, o primeiro caso aconteceu na Avenida da Penetração Norte-Sul, no bairro Conjunto Esperança, em Fortaleza. A vítima foi um homem de 38 anos que foi atingido por pelo menos dois disparos, no meio da rua no último sábado. Testemunhas informaram à Polícia Militar que o assassinato pode ter sido um caso de latrocínio, quando há roubo seguido de morte. 

O outro assassinato foi na cidade de Coreaú a 290 km de Fortaleza, um adolescente de 15 anos foi apreendido pela Polícia Militar neste sábado, 4, suspeito de matar o próprio padrasto, de 43 anos, a golpes de foice. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o crime teria sido motivado por vingança em virtude de supostas agressões do homem à mãe do adolescente. A pasta confirmou que a vítima tinha passagens pela Polícia por violência doméstica. Ele também possuía antecedentes criminais por ameaça, contravenção penal, crime contra a família e contra a administração pública.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui