Salomão, foi eleito prefeito de Monsenhor Tabosa, neste domingo (15).

0

O candidato do PDT, Salomão, foi eleito prefeito de Monsenhor Tabosa, neste domingo (15). Com 100% das urnas apuradas, Salomão recebeu 6.571 votos, o que corresponde a 55,26 % dos votos válidos (excluindo os brancos e nulos), segundo a Justiça Eleitoral. Dr. Francisco Mesquita (PP) teve 5.321 votos, o equivalente a 44,74 %.

Conforme dados da justiça eleitoral, compareceram as urnas 12.313 eleitores, sendo os votos válidos 11.859 (96,31%); os votos brancos foram: 125 (1,02%) e votos nulos foram: 329 (2,67%).

A vitória de Salomão confirma sua liderança apontada nas pesquisas de intensão de votos.

Dos 11 vereadores eleitos em Monsenhor Tabosa, 8 pertencem ao partido  de Salomão. A oposição elegeu 3 vereadores, sendo 2 pelo PP e 1 pelo PSDB.


Vereadores eleitos


1. Irmão Salu (PDT) – 1.208 votos
2. Tony Ferreira (PDT) – 804 votos
3. Vicentinho (PDT) – 778 votos
4. Diego Madeiro (PDT) – 721 votos
5. Rosinha Ximenes (PDT) – 697 votos
6. Roberto Porfírio (PDT) – 687 votos
7. Djair Dão (PDT) – 642 votos
8. Valdemar dos Lagedos (PDT) – 622 votos
9. Dedé do Sindicato (PSDB) – 599 votos
10. Ivanildo da Topic (PP) – 508 votos
11. Gildo Porfírio (PP) – 462 votos.

Salomão teve poio do prefeito reeleito Jeová Madeiro. Até então, na história de Monsenhor Tabosa (69 anos), um prefeito reeleito nunca havia conseguido fazer um sucessor, com a vitória de Salomão, esse tabu foi quebrado.

pg. aberta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui