Preso com ouro e carros de luxo no Ceará enviava droga em esculturas à Europa

0

Um paranaense de 45 anos preso junto à esposa no Ceará, com três carros de luxo — avaliados em um total de R$ 1,4 milhão —, além de R$ 150 mil em joias e ouro, seria um traficante internacional, de acordo com investigações da Polícia Civil. O casal foi capturado em uma casa de luxo na Grande Fortaleza, em operação interestadual, nesta quarta-feira (13).

Segundo informações repassadas em coletiva de imprensa nesta tarde, o homem residia no Mato Grosso do Sul (MS) e veio morar no Ceará há dois anos, onde começou uma vida de ostentação. Ele seria participante de um esquema de envio de drogas escondidas em esculturas para a Europa.

O Diário do Nordeste apurou que o preso foi identificado como Rodrigo Lupercio Sebastião, o Chocolate. O nome da mulher não foi divulgado.

Conforme Ismael Araújo, delegado de Combate aos Crimes de Lavagem de Dinheiro da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE), o suspeito se apresentava como empresário e tinha um CNPJ de depósito de construção. A sala que ele alugava, porém, não era utilizada.

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão em Fortaleza e Aquiraz, no Ceará; e em Campo Grande, no MS. A força-tarefa ainda resultou no bloqueio de contas bancárias.

Movimentação de milhões

Com a empresa de fachada no CE, o homem movimentava valores internacionais. O delegado informou que ele fez milhões de reais só em dois anos residindo em solo cearense, lavando dinheiro. A esposa, de 33 anos, participava da lavagem ilícita de valores.

As investigações dão conta ainda que ele já foi condenado por organização criminosa no MS. Sérgio Pereira, delegado geral da PC-CE, pontuou ainda que o homem tem antecedentes por tráfico, associação para o tráfico, extorsão mediante sequestro e roubo.

Fonte: Diário do Nordeste

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui