Deputado Federal Danilo Forte articula moção de repúdio contra os ataques feitos pela Rússia à Ucrânia

0

O deputado federal Danilo Forte (PSDB) pretende realizar uma moção para repudiar a invasão da Rússia contra a Ucrânia. A proposta deve ser apresentada na próxima segunda-feira, dia 7, e, conforme o parlamentar, ela representa uma defesa dos princípios da não-intervenção e da resolução pacífica de conflitos, que, segundo o art. 4º da Constituição Federal, regem a política externa brasileira. “Se nós não aceitamos que venham invadir a nossa Amazônia, não podemos permitir que façam coisas semelhantes com outros países”, declara.

Danilo afirma que a guerra no continente europeu nos dá lições. O investimento em novas fontes de energia seria uma delas. Para ele, essa questão ultrapassa os limites econômicos e ambientais, tornando- se um “imperativo de segurança nacional”. “Basicamente, toda a nossa cadeia produtiva de energia limpa já é nacional. Ou seja, apostar nela fortalece nossa independência no campo internacional e não permite que nos tornemos reféns de interesses que não são os nossos”, diz.

Forte destaca que a elevação de produção do Hidrogênio Verde (H2V) também possibilita que as fontes de importação de energia sejam diversificadas. Fazendo, assim, com que a dependência de fornecimento por parte de governantes autocratas – como é o caso de Vladimir Putin – movidos por petróleo, sejam diminuídas.

Em se tratando dos fertilizantes utilizados, tendo a Rússia como principal fornecedor, ocupando a marca de 70% das importações, o deputado alega que deve haver mais investimento na produção nacional, citando as perspectivas na mina de Itataia, em Santa Quitéria. O empreendimento tem capacidade de extrair fosfato, substância utilizada, por exemplo, na produção de soja.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui