Deputado do PDT Cearense é o 3° que mais gastou com cota parlamentar no País em 2021

0

O Deputado Federal Eduardo Bismarck (PDT-CE), foi o 3° deputado que mais gastou em cota parlamentar em todo o país, sendo que os 2 primeiros colocados vieram do Acre, onde as passagens e custos de forma geral são bem mais caros. O gasto que o deputado teve com cota parlamentar foi de 505.555,98 reais.

A Assessoria do Deputado Eduardo Bismarck se manifestou, justificando o aumento de gasto com a mudança na estratégia de comunicação, cargo na Mesa Diretora, aumento do valor das passagens aéreas e preço dos combustíveis.

“Nos últimos dois anos de mandato do deputado estivemos na lista dos que tiveram rendimento de economia, ficamos entre os três que mais economizaram nos dois primeiros anos de mandato. O ano de 2021 mudamos a estratégia de comunicação em razão da pandemia, o que acarretou mais investimentos. Também tivemos mais gastos em função do cargo na Mesa Diretora, o qual o deputado é o primeiro suplente da mesa. E por fim, em razão dos preços das passagens de avião para o estado, que são as mais caras. O preço da gasolina também contribuiu no orçamento mais alto”, afirmou a assessoria de Bismarck.

A deputada federal Jéssica Sales (MDB-AC) é a campeã de gastos neste ano, com R$ 530.861,17 utilizados, seguida por Mara Rocha (PSDB-AC), com R$ 526.515,39. No Senado Federal o senador Omar Aziz (PSD-AM), que foi o presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19, é quem mais usou a cota parlamentar neste ano, com R$ 527.681,31; seguido por Rogério Carvalho (PT-SE), suplente na comissão, com R$ 496.570,48; e Lucas Barreto (PSD-AP), com R$ 492.047,97.

Esse levantamento foi feito pelo site Metrópoles com base nos portais da transparência da Câmara e do Senado.

Cota

A Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar é uma verba indenizatória à qual os 513 deputados federais e os 81 senadores têm direito para custear as despesas do mandato, com passagens aéreas, telefonia, manutenção de escritórios parlamentares, alimentação, hospedagem, locação de veículos, segurança, divulgação da atividade parlamentar e combustíveis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui