Agente socioeducativo é agredido por jovens infratores em centro educacional de Fortaleza

0

Um agente socioeducativo de 24 anos foi agredido por um grupo de cerca de 10 jovens infratores no Centro Educacional Cardeal Aloísio Lorscheider (Cecal), no bairro Planalto Ayrton Senna, em Fortaleza. A violência ocorreu durante uma sessão de atendimentos médicos nessa segunda-feira (6) e terminou com três conduzidos ao 13º Distrito Policial (DP).

O funcionário, que não será identificado por motivos de segurança, tentou conter um interno chateado com a demora em seu atendimento, quando ele se revoltou e o atacou com uma gilette. Logo após, uma série de agressões, com a participação de um grupo maior, se deu com pedradas e diversos objetos. 

O agente teve ferimentos no rosto, no braço e na mão. “Me defendi com a mão e tentei sair, quando começaram a jogar coisas em mim e eu fiquei desnorteado, quando me virei tinha outros me esperando com um cabo de vassoura. Só conseguir sair quando meus colegas escutaram e chegaram”, conta. 

Perigo constante 

Em entrevista ao Sistema Verdes Mares, o trabalhador, que está há quatro anos como agente socioeducativo, relata que não é a primeira vez que é agredido ou ameaçado. Ele ainda conta que estava dando conta sozinho de um bloco com 14 jovens.”O contingente está baixo e somos obrigados a trabalhar com poucas pessoas e acabamos passando por esse tipo de perigo todos os dias. Tenho certeza que se eu continuar no sistema não será a última agressão”, desabafa.

Segundo a Superintendência do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo (Seas), o colaborador está sendo acompanhado pelo Núcleo de Saúde da Superintendência.

Sobre os agressores, a Seas informa que eles serão responsabilizados pela Comissão Disciplinar da unidade. Serão apuradas ainda quaisquer irregularidades que possam haver, por meio da Corregedoria. 

O Centro Educacional em questão atende adolescentes e jovens de 18 a 21 anos do sexo masculino sentenciados na justiça. 

Fonte: Diário do Nordeste

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui